4.4.13

Um momento de reflexão sobre o GM e minha vida: tantas novidades, tão pouco tempo... e um tiquinho de tristeza

http://ubfriends.org/wp-content/uploads/2010/09/DogHeaven.jpg
Imagem: Google

Queridas garotas modernas,
Pode parecer tolo, mas muito do que escrevo aqui no GM vem direto do meu coração: o blog tem sua parte comercial, a minha paixão por moda e beleza, mas também é, acima de tudo, um diário de tudo que acontece na minha vida nos últimos 4 anos e 4 meses.
Claro que nem tudo que aconteceu comigo deixei explícito aqui, pois com o blog já me exponho demais e infelizmente já tive muitos dissabores por causa desta exposição.
Mas não consigo escrever um blog frio, impessoal, cujo objetivo seja apenas profissional.
Tenho um blog porque gosto de me relacionar, de conhecer pessoas (e conheci tantas tão queridas), de trocar experiências, de aprender... Quando criei o blog nem passava pela minha cabeça a proporção que ele tomou, tudo graças à vocês, queridas leitoras.
Há coisas que são desnecessárias falar, mas tudo que acontece comigo se reflete de alguma forma no GM. Não consigo separar ele de mim, pois se tornou parte da minha vida. 
Já me aconselharam: "você tem que ser mais fria, mais impessoal, mais comercial, menos emocional".  Ganharia mais dinheiro, me incomodaria muito menos.
Só que tem um "pequeno" entrave: eu sou uma pessoa que se guia muito pela emoção e talvez esta seja a maior qualidade e diferencial do GM, assim como meu grande calcanhar de Aquiles. 
Sou a mesma pessoa, com todo mundo: quando escrevo, quando ando na rua, quando estou com minhas amigas ou então num evento. Não sei fingir, não consigo ser dissimulada ou então fazer de conta que minha vida é uma linha reta, porque não é: a de ninguém é - todos temos altos e baixos.
Quem acompanha o blog pode perceber que tenho fases onde estou mais feliz e produzo mais e outras, onde a tristeza está mais presente onde produzo menos: no momento agora pela perda recente da minha cachorrinha Mischa, cuja doença e morte foram extremamente agressivas (ela morreu literalmente nos braços do meu marido e nos meus, em nossa cama e depois fomos enterrá-la na casa da praia, já tarde da noite, embaixo de uma chuva que persistiu por dias).
Sabe aqueles momentos onde você tem vontade de colocar a vida no "piloto automático" ou se arrastar para baixo do edredom e ficar lá, quietinha?
Pois então: num momento assim, onde soube que a Mischa estava com câncer e tive que lidar com a doença e morte dela, também estava envolvida com inúmeros compromissos profissionais que demandaram bastante do meu trabalho fora e dentro do blog, tais como Verão Top Model 2013, SPFW e Donna Fashion Iguatemi.
Quantas coisas ainda tenho para contar pra vocês sobre o SPFW... Mas ainda não consegui ter ânimo para sentar e escrever, pois como escrevo "com o coração" e estou com o meu apertado ainda, tudo vai sendo arrastado com certo peso, as palavras não fluem como de costume, pois estou angustiada por ter a perdido de forma tão abrupta, assim como perdi meu amigo-irmão Diogo no final do ano passado: foi aniversário dele esta semana, triste coincidência, aliás.
É como se eu estivesse num sonho ruim e fosse acordar e encontrar ambos a qualquer momento.
Nem sei direito o porquê de estar escrevendo este post: se é pra desabafar, pra me justificar por ainda não ter contado um monte de coisas e feito várias coisas aqui no GM que quero e preciso fazer: promoções, novas colunas, falar de um novo projeto que vem por aí, pra me  sentir menos culpada por estar dando pouca atenção à vocês...
Espero que vocês entendam este meu período de luto e compreendam que para mim isto aqui é muito mais que um blog, que vocês são muito mais que apenas "números" ou leitoras", que o GM é também meu "diário de menina", onde escrevo um pedacinho da minha vida, um pedacinho de mim, mesmo quando não há glamour e o dia está cinzento.
Hoje faz 4 semanas que a Mischa se foi e meu coração ainda está em pedaços.
Mas como escreveu um dos meus autores favoritos, Albert Camus: "Depois de um longo inverno compreendi que dentro de mim existia um verão invencível."
Dias melhores virão, mais posts, mais novidades... Mas enquanto isto não acontece, não deixem de passar por aqui. Estou num momento onde preciso muito de vocês, queridas garotas modernas. Hoje eu queria muito um abraço de cada uma de vocês!

31 comentários:

  1. Sempre leio o blog mas nunca comento. Hoje, porém, não tinha como deixar simplesmente dizer: sinta-se muito abraçada!
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Shirley, sei bem como você se sente... a gente quer sumir até essa dor passar, mas infelizmente a vida profissional/pessoal não deixa... pessoas dependem de nós, e nós dependemos nós mesmos...Assim, quero que você saiba que acompanho seu blog, mas se você precisa ir mais devagar, sem problemas. Sinta-se abraçada! E espere que dias melhores virão! Bjs

    ResponderExcluir
  3. Shirley, que linda que vc é! Sério, acompanho o blog a um tempão, smp leio seus posts, mas jamais pensei que havia essa florzinha tão sensível por trás da mulher mega antenada que vc é, achei super! Força e garra, pq tudo na vida é pra gente tirar proveito, mesmo na tristeza... No fundo, é bom curtir, sentir essa dor da perda, pq só sara assim mesmo, depois vai melhorar e vc será ainda mais forte e decidida do que sabemos que é. Um abração, força e não se preocupe que a gnt entende! :)

    ResponderExcluir
  4. Shirley, sinta-se abraçada e confortada. Você é incrivelmente sensível e suas palavras realmente tocam no coração. Infelizmente temos que passar por essas fases ruins na vida, mas logo essa dor vai passar e apenas ficarão as lembranças de seus dois amigos eternamente em seu coração. Fique bem, beijos.

    ResponderExcluir
  5. Querida Shirley,
    Me emocionei com o seu post.
    O momento é difícil, mas não há nada que o tempo não ajude a melhorar.
    Espero que através desse pequeno comentário você possa perceber o quanto é positiva para tantas leitoras, gostaria que soubesse que admiro muito o seu trabalho e de todas as colaboradoras do blog.
    Tudo vai ficar bem!

    ResponderExcluir
  6. Me emocionei com o post.
    Sinta-se abraçada!

    ResponderExcluir
  7. Oi Shirley, nossa que fase difícil!
    Eu te entendo totalmente, tenho um amor enorme por bichos e tenho um gatinho
    lindo. Já senti essa coisa de querer deixar a vida no piloto automático. Fique bem, nós, leitoras, vamos aguardar os posts novos e entender tudo isso com carinho. =)

    beijos.


    ResponderExcluir
  8. Shirley, amanheu cinzento no Rio, mas a cidade agora está ensolarada e desejo que essa luz te alcance, que o seu "verão invencível" chegue logo :) Carinho, Carmen

    ResponderExcluir
  9. Sinta-se abraçada!!!
    Seu blog foi o primeiro que acompanhei diariamente (tenho outros que acompanho mas não com a mesma frequência) e isto se deve principalmente pela maneira particular e única com a qual vc o escreve.

    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Também quero te abraçar... tô na fila! Querida.... ♥

    ResponderExcluir
  11. Shirley querida!
    Não deixo de passar por aqui nunca, ainda que pouco comente... sinta-se abraçada!
    O luto é uma condição humana, assim como o estar apaixonada, ou triste, emocionada... você melhor do que ninguém sabe disso, e é necessário que ele seja vivido e não negado.
    Que o seu Sol volte a brilhar, todos os dias!
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Abraçada, beijada, paparicada! Sinta-se assim pois você tem um ótimo blog, que nos ensina não apenas coisas materiais, Q Amamos!, mas e também e tão importante nos ensina sobre os tons da alma!
    Adoro o blog e te desejo muitas alegrias vindouras!
    Vânia Roscoe

    ResponderExcluir
  13. oi flor adorei o post vc foi tag ada ok

    http://tatiane22almeida.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. Ai é difícil, cachorro faz parte da família e quando se vai dói igualzinho ou até mais. Eu tenho um maltês que está com 12 anos, bem velhinho e já teve alguns problemas, conseguimos reverter e agora a idade está pesando, já não escuta e nem vê tão bem, mas a gente segue assim né, com ele até o fim.

    wwww.vaidosaetodaprosa.com.br

    ResponderExcluir
  15. Shirley tudo isso vai passar e na sua mente ao restar os bons momentos que vc passou com essas suas perdas, de felicidade alegria, pois da onde eles estao é assim que eles querem te ver.

    ResponderExcluir
  16. Sinta um grande, carinhoso e sincero abraço Shirley.
    Acredito que não apenas eu, mas todas as leitoras do GM, admirem e se identifiquem com o blog de forma tão especial e única justamente por esta pessoalidade, sentimento e paixão com as quais vc escreve e mantém o diálogo virtual com todos nós :D
    Só temos a agradecer sua "normalidade" e desejar que o seu verão invencível volte logo a aparecer!!!

    ResponderExcluir
  17. A tempestade vai passar Shirley. Sinta-se abraçada!

    ResponderExcluir
  18. Sinta-se abraçada por mim! Te admiro muito!
    Sei bem o que você sente... Só o tempo faz a dor amenizar ;D
    Beijos!

    ResponderExcluir
  19. Fica tranquila lindona, nós leitoras do GM entendemos perfeitamente a fase que tu estás passando. Não importa o tempo que leve para o "teu verão" voltar. Estaremos aqui contigo. Um abração de urso, bem apertado!!!

    ResponderExcluir
  20. “Porque eu, o Senhor teu Deus, te seguro pela tua mão direita, e te digo: Não temas; eu te ajudarei.” Isaías capítulo 41, versículo 13. Querida, um grande abraçooo...

    ResponderExcluir
  21. Obrigada por dividir a sua vida com a gente, e eu entendo muito a sua dor, seria estranho se você não se importasse. Um beijo com todo carinho, e força! Bjs.

    ResponderExcluir
  22. Você conseguirá superar essa, quem sabe uma janela com um sol lindo não abra para vc em breve? Um beijo.

    ResponderExcluir
  23. Te admiro mtmt! Meus sentimentos pela Mischa! 😘

    ResponderExcluir
  24. Sinta-se abraçada e confortada. Querida Shirley.

    ResponderExcluir
  25. Shirley, apesar de raramente comentar, leio seu blog praticamente todos os dias, não deixo de ler um post sequer e gostaria de dizer que você tem o poder de me fazer rir, chorar, me emocionar, refletir, relaxar, enfim, você escreve com tanta verdade, com tanta alma, que toca no coração da gente. Não consegui comentar nada quando sua cachorrinha adoeceu pq cada vez que eu tentava, eu chorava, já passei por isso, é triste demais, mas gostaria que você soubesse que mesmo em silêncio, estou sempre aqui, te admirando a cada dia mais!!!!!!

    ResponderExcluir
  26. Perdi minha gatinha, minha filha na verdade, em outubro passado, ja estamos em Abril e ainda não consegui superar, mas isso depende de força e pensar nelas da melhor maneira possivel!!!! Os animais sao os seres mais puro da Terra, sabem o significado verdadeiro da palavra amor como nenhum homem saberá um dia!!!
    Boas vibrações e esse post foi o melhor do ANO!!!!

    Muita força! Beijooo

    ResponderExcluir
  27. Shirley, já havia dito no insta, mas repito aqui: que São Francisco de Assis tome conta de Mischa até o reencontro de vocês e que Deus conforte seu coração.
    Um beijo grande

    ResponderExcluir

Olá,

O GM não modera os comentários, este é um espaço livre para você expressar sua opinião.
Mesmo que eu não consiga responder os comentários imediatamente, leio todos eles assim que chegam no meu e-mail e ADORO saber a opinião de vocês e respondo assim que possível.
Se alguém tiver uma dúvida ou pergunta mais específica, por favor, mande por e-mail para: shirley@garotasmodernas.com que eu respondo com mais rapidez.
Obrigada pela compreensão e pelo comentário!

beijos!

ATENÇÃO: Comentários grosseiros, desrespeitosos, agressivos, preconceituosos ou com divulgação de vendas serão deletados.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...