5.9.13

O suéter de 1.700 anos



Imagens: Marianne Vedeler
Há alguns dias, o Museu de História Cultural da Noruega, exibiu uma túnica de 1.700 anos encontrada nas montanhas do Sul do país em 2011. 
A túnica, parecida com um suéter longo, é anterior à Era Viking e foi encontrada próxima a uma geleira em degelo no Sul da Noruega, a 2.000 metros acima do nível do mar onde possivelmente existia uma rota comercial da época de Roma no Sul norueguês.
A roupa tem decote canoa, é larga e castanho-esverdeada, adequada para uma pessoa de até cerca de 1,76m, segundo a datação por carbono foi feita por volta do ano 300 d.C. e provavelmente foi usada por um caçador de cervos, comuns na região.
Ela foi tecida no padrão de "sarja diamante" (segunda foto), que aparentemente era popular na época (outra túnica muito semelhante foi encontrada há cerca de 150 anos em um pântano no norte da Alemanha, provavelmente usada por um militar). A análise microscópica do tecido mostrou que dois tipos diferentes de foram usadas para fazer o vestuário: de uma ovelha adulta e lã mais macia do cordeiro.
Os cientistas afirmaram que era uma roupa de ótima qualidade, portanto valiosa e que provavelmente teve mais de um dono. Ela estava bem usada e foi reformada (acrescentaram mangas), além disto recebeu dois remendos muito bem feitos: "Não há dúvida de que a lã foi cuidadosamente escolhida para ambos os tecidos, e que tanto a qualidade e pigmentação natural, foram levados em consideração."
O tecido foi feito a partir de fios de duas tonalidades, dando a padronagem de losango peculiar do padrão de
"sarja diamante", a mesma usada para tecer a túnica encontrada anteriormente na Alemanha. Os estudiosos declararam que: "A semelhança entre as duas túnicas é muito interessante, pois sugere que um estilo específico se destina, e que esta"moda" era conhecido por uma vasta área."
Os achados arqueológicos publicados na revista científica Antiquity, sugerem que na Idade do Ferro, o tecido de lã com trama de "sarja diamante", a modelagem tipo suéter, com decote canoa e a cor marrom esverdeada eram "moda" entre os homens do exército e os caçadores daquela região da Europa.
Quem disse que roupa também não é cultura?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá,

O GM não modera os comentários, este é um espaço livre para você expressar sua opinião.
Mesmo que eu não consiga responder os comentários imediatamente, leio todos eles assim que chegam no meu e-mail e ADORO saber a opinião de vocês e respondo assim que possível.
Se alguém tiver uma dúvida ou pergunta mais específica, por favor, mande por e-mail para: shirley@garotasmodernas.com que eu respondo com mais rapidez.
Obrigada pela compreensão e pelo comentário!

beijos!

ATENÇÃO: Comentários grosseiros, desrespeitosos, agressivos, preconceituosos ou com divulgação de vendas serão deletados.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...