22.10.12

Sua "amiga" não fala mais com você sem razão aparente? É a era das pessoas cínicas, das relações volúveis e das "amizades" por interesse

 Imagem: Keep Calm Posters

Semana passada, em duas situações sociais, fiquei chocada com algo que aconteceu: duas "amigas" minhas, sem razão aparente, a quem estimava muito, ao ponto de abrir minha vida, minha intimidade, de ajudar de várias formas, inclusive profissionalmente, simplesmente não falam mais comigo pois acharam outra "turma" para andar. Na verdade tentei cumprimentá-las, dando boa-noite e elas agiram como se eu fosse invisível. Literalmente me deram as costas!
Como uma "coisa" velha, que não serve mais, fui descartada.
Comentando sobre assunto com amigos (estes sim fiéis e verdadeiros), ouvi várias histórias semelhantes: a da fulaninha que se aproximou por algum interesse, seja de trabalho, por ser nova na cidade, ou qualquer coisa do gênero e simplesmente virou as costas quando foi trabalhar em outras coisas e fez novos amigos ou não precisou mais de seus favores.
Esta é a era das pessoas cínicas, das relações volúveis e das "amizades" por interesse?
Segundo frase de Oscar Wilde, dramaturgo e poeta irlandês que morreu em 1900: "Vivemos numa época em que sabemos o preço de tudo e o valor de nada". Pelo jeito, mais de 100 anos depois, as pessoas continuam a ser asim: pesam seu valor pelo preço de suas roupas, mas se esquecem dos verdadeiros valores da vida.
Fico triste em perceber que há sim pessoas capazes de fingir afeto, carinho, amizade e de, uma hora para outra, simplesmente acharem que você "não serve mais como amigo". Que raio de amizade é essa que sem motivo aparente acaba? Sem uma conversa olho no olho? Sem uma possibilidade de entendimento?
Confesso que ando um pouco cansada de gente que só se importa com o TER e muito pouco com o SER. Ter é muito bom, não vou negar que tenho meus pecadilhos de consumo: gosto das minhas bolsas, gosto de dirigir um bom carro e viver em uma casa confortável. Gosto de roupas, maquiagens e coisas bonitas.
Mas não quero viver uma vida de mentira, "na superfície das coisas" como eu gosto de dizer. Quero continuar tendo amigas de todas as classes sociais, origens e etnias. Pouco me importa se a fulaninha "tem berço" (sim, ainda escuto esta expressão, para mim, abominável, que denota o quanto de desprezo certas pessoas tem por aqueles de origens mais humildes). 
Quero sim é saber se aquela pessoa vai continuar minha amiga se um dia eu ficar bem pobre e vender minha bolsa e meu carro para comer, se precisar andar de ônibus todo dia (e sim, já peguei muito ônibus até comprar meu primeiro carro quando já fazia mestrado) e não tiver dinheiro para tomar um cappuccino no shopping. Quero saber se vou continuar "sua amiga querida" e se ela vai tomar café com pão e margarina na minha casa alugada na periferia.
Não quero mais amigas que são um "personagem", vivendo uma vida de mentira e me oferecendo um afeto de mentira. 
Posso ter muitos defeitos, mas quando digo para alguém: "eu gosto de você, você é minha amiga, pode contar comigo", é de verdade, levo o "pacote inteiro", com todas as virtudes e defeitos que aquela pessoa tem: serei leal aquela minha amizade nos dias bons e nos dias ruins, nas épocas de fartura e nas de grana curta, nos momentos de festa e também naqueles de dor.
Não escolho minhas amigas baseada em sobrenome, bolsa de grife ou o "o quê possa ganhar" com esta amizade. Sigo meu coração. 
Pena que o tal coração da gente é por vezes ingênuo (e burro!) e acredita que aquela pessoa gosta genuinamente de você, pelo que você é, não pelo que você tem ou pode oferecer em dado momento. Mas um dia a verdade chega e você percebe que você foi amiga daquela pessoa, mas ela, ao contrário, jamais foi sua amiga. E como dói!
Mas prefiro continuar assim, escolher minhas amizades pelo coração, não pelas aparências, pois um dia a verdade se revela.
Como disse Abraham Lincoln certa vez: "Pode-se enganar a todos por algum tempo; Pode-se enganar alguns por todo o tempo; Mas não se pode enganar a todos todo o tempo."

24 comentários:

  1. Passei por esta situação com uma amiga a quem considerava muito e em quem confiava. De repente ela começou a me tratar de forma diferente (desprezar) dependendo de quem estivesse junto. Eu demorei muito para assimilar que minha amizade não interessava mais, aliás eu a estava incomodando. Por fim risquei definitivamente a pessoa da minha vida.

    ResponderExcluir
  2. Nossa Shirley!!!!Parece a história de uma "ex grande amiga" minha e que até já contei para ti!!!!!Pois é, não dá para entender este tipo de coisa, né!A minha "ex grande amiga" também sumiu da minha vida sem motivos aparentes e sem explicação!Até porque se era amiga mesmo deveria tirar satisfação ou dar explicação, não acha??Bem, vai ver que como disseste, não existe mais interesse para ser minha amiguinha...Pena!

    Beijão e não liga

    Liseane

    ResponderExcluir
  3. Shirley ... Me chamou muito atencao esse post. Voce tem razao na maior parte do que escreveu , mas gostaria de acrescentar o que aprendi com isso tudo.
    Eu imaginava que amizade era tudo isso que voce descreveu esperar de um amigo. Voce esta certa!!!! Para mim amizade vai muito alem do que sentar e rir em uma mesa de bar...sou amiga amiga amiga, para tudo...diferente disso eu chamo de colega.
    Um dia li uma frase do Padre Fabio de Mello que diz que amigo nao e aquele que esta ao seu lado na hora da fase ruim pois nessas horas muita gente adora estar do seu lado....amigo e aquele que suporta o seu sucesso e mesmo assim vibra junto com voce.
    Hoje em dia as pessoas nao conseguem conviver , ser feliz ao lado de alguem que esteja vivendo uma fase boa...profissionalmente, amorosamente....nao conseguimos mais ter amigos para dividir nossas conquistas. Muito triste!!
    Pode acreditar que voce nao perdeu nada....pessoas assim sao dignas de pena, nada mais. Sua beleza, sua simpatia, sua alegria e seu sucesso fizeram com que elas se sentissem diminuidas.....bobagem???? Sim, tambem acho...mas elas nao sabem conviver com isso.
    Fica aqui o meu carinho....e dizer que uma decepcao com amizade me levou a fortes crises de panico . Tudo desencadeado por pessoas assim. Nao vale a pena esse sofrimento. Parabens pelo seu belo trabalho. Te admiro muito e adoro seu blog. Mil beijos no coracao

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Voce matou a charada. As pessoas adoram estar ao lado de quem está na pior. Suportar o seu sucesso é o que define quem são seus amigos.

      Excluir
    2. Olha Sarita, foi perfeito seu comentário... Não tinha pensando desta forma, mas é verdade, o sucesso é mais dificil de suportar...suporta os amigos de verdade, aquele que realmente torcem por você.
      beijo!

      Excluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. Shirley o seu post foi inspirador!
    Ruim estas coisas acontecerem, mas temos que saber lidar e aprender com isso.
    Um beijo!

    ResponderExcluir
  6. Shirley,
    não perde seu tempo com esse "luto" por uma amizade que nunca existiu. Foi bom que você se livrou delas antes que elas viessem a te prejudicar de alguma forma, porque gente assim é capaz.
    Prefiro 2 amigas verdadeiras a 20 amigas de fachada. Você tem outras amigas, com certeza, pois é uma pessoa ótima. E a qualidade é bem melhor que a quantidade.
    Acho que muita gente já passou por coisa parecida. Eu já passei. E acho bom ter descoberto logo quem era a pessoa.
    Dói, mas passa.
    Um beijão!

    ResponderExcluir
  7. Tenho uma simpatia muito grande por você e pelo seu blog.
    Muitas vezes me identifico com algumas coisas que você escreve por aqui e hoje foi mais uma delas... eu já passei pelo "agora que você não é mais uma pessoa solteira que pode me dar carona pra balada, não me serve mais como amiga". Na hora dói, mas não é só dor, é raiva, é indignação, é pra ficar inconformada... mas tem muita gente que não sabe SER amiga, que não sabe construir laços com pessoas que querem realmente o bem delas... e saiba que é melhor para você descobrir o mais cedo possível que não pode contar com este ser...

    Não se abala... saiba que você fez o melhor possível e fique com a sua consciência tranquila.

    Beijos.

    Mia

    ResponderExcluir
  8. Nossa Shirley, que coisa mais triste...infelizmente isso acontece mesmo! Há uns 2 anos, em um momento em que precisei muito pois estava passando por uma situação muito delicada de luto, tive que lidar com uma dessas "amigas", que se ñ bastasse ñ me dar apoio, ainda saiu inventando coisas a meu respeito para uma turma que eu achava que era de amigos...ninguém me procurou pra saber o que tinha ocorrido de verdade, o porquê do meu isolamento, ela distorceu uma situação a seu favor e as pessoas simplesmente se afastaram. Eu fiquei triste durante muito tempo, mas infelizmente as pessoas são assim superficiais mesmo, ñ querem saber de amizade de verdade, com profundidade, de ajudar um amigo quando ele tá precisando. É mais fácil se afastar, sair falando mal porque ouviu alguém falar alguma coisa de você. Estão mais afim de curtir os momentos bons, as festas, os frutos e de fofocar mesmo...e quando vc tá na pior, as pessoas se revelam!
    Ñ perca tempo sofrendo por isso, com certeza tem gente por aí que reconhece o seu valor e que vale a pena se relacionar. Gente assim é mto superficial pra gente perder tempo...fique bem!!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Já passei por isso uma, duas.. muitas vezes.. em uma delas na pior fase da minha vida quando estava em depressão... infelizmente hoje em dia "reina" a lei do interesse maior e a amizade não entra nisso =/

    ResponderExcluir
  10. Morava em Floripa e quando fui para o interior do Paraná, pouco mais de 2 anos, passei por isso. Infelizmente tem pessoas que só valorizam por interesse, o que vale é o ter, carro e etiqueta e não honram outros valores como amizade e educação.

    ResponderExcluir
  11. Passei por uma situação assim recentemente. Num dia, é convite pros chopps, pras saídas, pros bate-papos. Até que percebi que o mesmo grupo postava fotos no Facebook dessas saídas sem mim. Simplesmente pararam de me chamar sem mais nem menos. Uma vez indaguei a um deles por que não me chamaram e ele disse que esqueceu, mas que nas próximas saídas eu com certeza seria convidada - não preciso dizer que isso não aconteceu.
    Me falta vergonha na cara e coragem pra deletar essas pessoas do Facebook, porque eu fico vendo essas fotos e me deprimindo. E não quero isso pra mim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Deleta eles sem dó! Quem gosta e se importa com você irá te procurar, pode ter certeza!
      Eu cancelei minha conta lá e mantenho contato tranquilamente com meus amigos. Você não precisa dessas pessoas que te menosprezam. Como já disse, quem gosta de você irá manter contato e irá te manter a par das notícias importantes.
      Delete e seja feliz, você merece!

      Excluir
  12. Shirley acho que essas duas pessoas não falaram com você por despeito e inveja. Elas já perceberam que o blog é tudo de bom e que você está tendo respostas positivas com ele e aí você despertou esse sentimento baixo nelas. Sabe é melhor ter um amigo fiel do que milhões falsos. Elas não querem sua amizade? Azar delas. Não fique chateada por coisas e pessoas pequenas: ouro atrai ouro e lata atrai lata. Você é ouro não precisa de lata. Bjs.

    Sheila
    www.blogbelissima.com.br

    ResponderExcluir
  13. Na correria do dia a dia, dá até pena de dedicar o pouco empo a mesmice dos blogs de moda...ai resolvo dar uma olhadinha no GM e entend porque vale sempre a pena uma visitinha. Sempre otimo conteudo, nada superficial. Que bom que tem gente que ainda sabe apreciar boas coisas e, sobretudo, bons valores! Um abraco da Italia! Bee

    ResponderExcluir
  14. Eu estava com minha amiga Shirley nessa situação desconfortável, e realmente foi muito chato essa cena, a pessoa passava uma imagem de esnobe, um ar de "quem é você?", mas Shirley, "há males que vêm para o bem", pessoas assim são descartáveis, não merece o seu digno respeito.Siga em frente com quem realmente valha a pena e lembre-se: "a felicidade e o sucesso incomodam algumas pessoas que não são do bem".

    ResponderExcluir
  15. Oi Shirley, apaguei o coments porque acho que somos velhas demais para ficarmos lavando roupa suja em público e acho que não gostarias de ver publicado aqui a minha versão, segue email particular.

    ResponderExcluir
  16. Ano passado no fim do ano passei por isso, na hora fiquei sem entender a reação dela, mais acho que depois caiu a ficha.
    Eu fiquei desempregada e sem carro e vi que aos poucos não era mais chamada pra nada e quando achei que ainda tinha a amizade tomei uma pedrada daquelas bem no natal, ao mandar uma mensagem de "bom natal" pra minha amiga ela me respondeu grosseiramente e eu até hoje nem sei o porque. Mais com o tempo as dúvidas que tinha foram se transformando em resposta.
    Pois um tempo antes via que ela me chamava pra ajudar e eu sempre estava lá e quando eu fiquei na pior ninguém ao menos me ligou pra nem sequer falar um "oi", ela só me ligava com o interesse de ficar como empregada dela quando a funcionária dela faltava, dai vi que ela só me chamava pra ser a substituta e não me chamava como amiga. Dai meu quebra cabeças foi terminado, eu hoje nem ligo pra ela, se encontrássemos de novo eu comprimentaria sim, mais falar da minha vida, como era antes, não conseguiria, ainda estou meio chateada, acho que a gente fica chateada com as pessoas que a gente gosta, ou gostava né.
    E bem como no final do seu post eu também coloco:
    "Como disse Abraham Lincoln certa vez: "Pode-se enganar a todos por algum tempo; Pode-se enganar alguns por todo o tempo; Mas não se pode enganar a todos todo o tempo."

    ResponderExcluir
  17. Aconteceu algo parecido comigo, uma amiga que gostava muito de repente começou a me tratar de forma diferente, não falava direito comigo, não me convidava pra sair, não aceitava meus convites, e parecia que me evitava. Nesse período ela estava cheia de segredinhos com outras "amigas". Aos poucos eu fui percebendo que minha presença a incomodava. Por fim ela foi se afastando cada vez mais de mim, e eu não sei por que motivo.

    ResponderExcluir
  18. Parece coisa do acaso ler isso bem no momento em que me encontro chateada com uma situaçao bem semelhante a essa. No meu caso envolve um garoto, sou estudante de engenharia e tenho uma certa

    facilidade com as materias e sou boa aluna. ano passado conheci um garoto na minha sala e mal nos falavamos, conversavamos as vezes e trocavamos algumas mensagens mas sem interesse algum,

    mesmo porque achava ele tipo aqueles meninos que adoram chamar atençao, meio bobos e imaduros.
    Esse ano durante esse semestre ele foi se aproximando mandando msgs, pedindo coisas emprestadas, foi se chegando cada vez mais...um dia do nada me ligou e perguntou se podia vir estudar em casa

    em pleno domingo. Eu como boba que sou nao sei dizer NAO a ninguem e assim combinamos de estudarmos juntos no dia seguinte, e assim foi desde março sempre que precisa de minha ajuda para algum

    trabalho, para estudar para todas as provas sabia que podia contar comigo, formamos um grupo de estudo onde eu, ele e mais tres colegas de sala ficamos ate tarde da noite, aos sabados e domingos

    estudando. O grande problema é o jeito dele, ele se demosntra fofo demais, carinhoso demais comigo, vive pedido carinho, cafune, sente ciumes e segundo ele mesmo reconhece que as vezes passa dos

    limites, e segundo todos comentam ele da muita bandeira do que sente por mim. ja me perguntaram diversas vezes se nos estamos juntos, se namoramos...
    com tudo isso aquela imagem de garoto bobo, imaduro e metido que eu tinha dele passou e acabei me apaixonando por ele. Outro dia em uma conversa falamos sobre isso e ele me disse que ja tinha

    pensado diversas vezes em ficar comigo, em namorarmos... mas que isso podia acabar com a amizade que temos, que seria muito dificil convivermos no mesmo ambiente, com os mesmos amigos por mais

    alguns anos
    e que nao queria perder isso porque gostava muito de mim, pediu pra que eu nao me afastasse dele nunca e pra que nada mudasse entre nos... Eu concordo com isso, tambem gosto muito dele

    principalmente como amigo e nao queria me afastar.
    Isso aconteceu ultima semana de aula, nas ultimas provas, e de lá pra cá 10, 15 dias nao nos falamos mais...só pra saber as notas e se tinhamos passados nas tao temidas p2 sem exame. Nem um OI,

    TUDO BEM?? COMO VOCE ESTÁ??? ESTOU COM SAUDADE!!! ou o que é pior sem nem uma msg de "VALEU MUITO A PENA NOSSOS ESTUDOS"
    ou um "OBRIGADA".
    Preciso nem falar que estou mega chateada, tudo que faço é de coracao e sempre pensando em poder ajudar alguem e nao consigo entender como podem exestir pessoas tão interesseiras assim...sem o

    menor escrupulo que são capazes de qualquer coisa para conseguir o que quer no momento em que convem.
    Isso me deixa triste, magoada e sem saber como agir :/

    ResponderExcluir
  19. Nossa,isso esta acontecendo comigo nesse momento,a prima do meu namorado nao conversa mais comigo sem motivos,nós temos uma amiga em comum,e acredite ela conseguiu com que ela tbm nao converssasse mais comigo.Eu sempre ouvi uma flando mal da outra,cada uma falava mal de uma pra mim,eu claro sabendo que elas eram assim nunca falei nada que pudesse me prejudicar,porque se elas falam umas das outras imagina de mim entao.Agora eu entro no onibus falo bom dia,mais elas nao me respondem,eu continuo comprimentando,msm sabendo que nao sou respondida,porque c eu virar a cara pra elas tbm vou estar me igualando,e tbm por consciencia limpa,pois nunca fiz nada pra isso acontecer..não sei se devo procura-las pra saber o que houve,ou se deixo rolar...é uma tristeza isso,estou me sentindo muito mal por isso..é uma tristeza pessoas fazerem isso,ainda mais pessoas que se diziam amigas..adoro seus posts...sempre que posso leio..mil beijos :)

    ResponderExcluir
  20. Tinha uma amiga, que parou de falar cmg do nd,não deu satisfação de nd!
    EU estou com ddpresso, bloquiei ela de todas redes sociais 😘

    ResponderExcluir

Olá,

O GM não modera os comentários, este é um espaço livre para você expressar sua opinião.
Mesmo que eu não consiga responder os comentários imediatamente, leio todos eles assim que chegam no meu e-mail e ADORO saber a opinião de vocês e respondo assim que possível.
Se alguém tiver uma dúvida ou pergunta mais específica, por favor, mande por e-mail para: shirley@garotasmodernas.com que eu respondo com mais rapidez.
Obrigada pela compreensão e pelo comentário!

beijos!

ATENÇÃO: Comentários grosseiros, desrespeitosos, agressivos, preconceituosos ou com divulgação de vendas serão deletados.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...