13.1.17

Nº5 L’Eau: o Chanel Nº5 reinventado (e algumas dicas de como comprar perfumes no exterior)


Experimentei o lançamento da Chanel na minha viagem à NY, o Nº5 L’Eau, a quinta e mais moderna versão do Nº5, a mais fresca entre todos os da linha que se tornou icônica desde seu original (o Le Extrait) criado em 1921.  
O Chanel Nº5 L’Eau é mais contemporâneo, mais suave e cabe perfeitamente no nosso verão: ele é um floral com destaque para o jasmim e a rosa, com algumas notas no fundo de sândalo e baunilha. Vale a pena conhecer, pois ao mesmo tempo que remete à suas versões mais clássicas ele se adequa melhor ao nosso clima.
Fiquei muito tentada a comprar, ele realmente é mais suave e tem frescor, algo que adoro em perfumes, mas como estou com muitos vidros cheios ou pela metade em casa resolvi segurar meu ímpeto consumista, mas ele já entrou na minha listinha de desejos para quem sabe, uma próxima viagem.
Para quem ainda não teve oportunidade de viajar para o exterior ou é tímida quando está em outro país, deixe a vergonha em casa na hora de comprar perfumes e cosméticos em geral: vá nas lojas grandes de departamento que vendem perfumes de várias marcas (em Nova York uma boa dica é a Macy's, cujo andar térreo é dedicado à beleza e em geral as moças das marcas são bem simpáticas, mesmo se você não falar inglês) ou então numa das dezenas de lojas da Sephora espalhadas na cidade (a minha favorita é a em frente ao "Believe"da Macy's, cujo atendimento é muito bom e tem um tamanho ótimo, nem muito pequena nem muito grande). 
Chegando numa destas lojas experimente quantos perfumes você sentir vontade (isto vale para cremes de corpo e rosto também). Peça ajuda à alguma vendedora ou vendedor, em geral eles são bem atenciosos.
Nestas lojas melhores como a Macy's e  Sephora você deve inclusive pedir uma amostra (sampler) do perfume (e/ou creme) que você ficou interessado - não precisa comprar nada para ganhar. Se não tiver e uma amostra "pronta"eles podem inclusive encher um pequeno frasquinho do tamanho de uma amostra para você levar e experimentar depois.
Assim você leva a amostrinha com você, testa, experimenta e decide se quer comprar ou não. Pelo menos nos EUA e na França ninguém vai torcer o nariz se você pedir uma amostra para experimentar no hotel, mesmo que depois você não compre. Então aí vai um conselho: perfumes e cremes devem ser experimentados na pele, se a viagem não for curtíssima, vale a pena levar a amostra pro seu hotel ou onde você estiver hospedada, testar por um ou dois dias e só então decidir se você vai ou não comprar.
Agora sobre o perfume novo aí de cima, quem não lembra que Marylin Monroe disse que dormia com duas gotinhas de Chanel Nº5 e nada mais?;)

Um comentário:

Olá,

O GM não modera os comentários, este é um espaço livre para você expressar sua opinião.
Mesmo que eu não consiga responder os comentários imediatamente, leio todos eles assim que chegam no meu e-mail e ADORO saber a opinião de vocês e respondo assim que possível.
Se alguém tiver uma dúvida ou pergunta mais específica, por favor, mande por e-mail para: shirley@garotasmodernas.com que eu respondo com mais rapidez.
Obrigada pela compreensão e pelo comentário!

beijos!

ATENÇÃO: Comentários grosseiros, desrespeitosos, agressivos, preconceituosos ou com divulgação de vendas serão deletados.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...