15.12.14

Malefícios do Bisfenol, substância que você ingere sem saber


Imagem: Google


A substância Bisfenol A ou BPA é utilizada, principalmente, na produção de policarbonato e em vernizes epóxi. O policarbonato é um polímero que apresenta alta transparência e resistências térmica e mecânica. Devido a estas características o policarbonato é utilizado na fabricação de mamadeiras, garrafas e galões para água mineral e refrigerantes além de outras embalagens e utensílios. O Bisfenol A está presente, também, em vernizes utilizados para revestimentos de embalagens metálicas de alimentos.
A polêmica sobre o BPA surgiu a partir de estudos recentes que levantaram dúvidas quanto à sua segurança. Já que ele é uma molécula muito instável e pode migrar dos produtos para os alimentos apenas com mudanças de temperatura ou danos à embalagem. O alimento pode ser contaminado, por exemplo, quando é aquecido no micro-ondas ou quando é exposto ao sol em uma embalagem feita de plástico com BPA. Mudanças de temperatura, mesmo pequenas, são o suficiente para liberar o Bisfenol A.
O principal perigo da exposição ao Bisfenol A está no fato de ser um desregulador endócrino. No organismo, o BPA se comporta de maneira semelhante ao estrógeno, um hormônio feminino. Ele interfere diretamente no funcionamento de algumas glândulas endócrinas e pode aumentar ou diminuir a ação de vários hormônios. Esta substância, atinge mais gravemente fetos e crianças, já que estão em fase de desenvolvimento. Porém, os adultos também podem ser prejudicados, por estarem em contato com diversos produtos que contêm a substância, como enlatados (praticamente todas as latas de alumínio vendidas no Brasil tem BPA em seu revestimento interno) e alimentos que ficam armazenados em recipientes de plástico, e são frequentemente levados à geladeira e ao congelador.
Pesquisas com animais em laboratório sugerem que o consumo do BPA esteja relacionado com queda de produção, espermas imóveis ou morte de espermas e infertilidade, atribuída à atividade estrogênica do BPA. Além disso, observou-se um potencial cancerígeno do BPA, em especial o câncer de próstata. Nas mulheres, a alteração genética causada pelo BPA pode desencadear infertilidade e câncer de mama. E, tanto em homens como mulheres, estudos associaram o BPA à obesidade. Alterações na tireoide e interferência no sistema imunológico, também foram relacionadas,
Segue aqui uma lista com exemplos de alguns produtos plásticos que têm como base o Bisfenol A:
Mamadeiras de plástico;
Embalagens plásticas para acondicionar alimentos na geladeira (marmitas, jarras de água, etc;)
Formas de plástico para micro-ondas;
Utensílios de plástico para o lar;
Copos, pratos e talheres de plástico (inclusive os infantis), especialmente se estiver ingerindo bebidas quentes, tais como cafezinho, chocolate quente, etc.
Para mais dicas, dúvidas ou sugestões visitem meu instagram @loucaporcosmeticos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá,

O GM não modera os comentários, este é um espaço livre para você expressar sua opinião.
Mesmo que eu não consiga responder os comentários imediatamente, leio todos eles assim que chegam no meu e-mail e ADORO saber a opinião de vocês e respondo assim que possível.
Se alguém tiver uma dúvida ou pergunta mais específica, por favor, mande por e-mail para: shirley@garotasmodernas.com que eu respondo com mais rapidez.
Obrigada pela compreensão e pelo comentário!

beijos!

ATENÇÃO: Comentários grosseiros, desrespeitosos, agressivos, preconceituosos ou com divulgação de vendas serão deletados.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...